segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Pode ser...


Pode ser que um dia eu te esqueça 
Que eu apague todo esse sentimento
Que eu consiga viver sem tua presença

Quanta dor meu coração ainda sente
Por um alguém que o ilude sempre
E nada faz para deixá-lo contente

Talvez eu seja a culpada, por isso
Deixei-me ser levada por promessas falsas
De alguém que nunca quis compromisso

Espero um dia acabar com esse sofrimento
E de vez enxugar do meu rosto as lágrimas
E conseguir tirar você do meu pensamento

Desejo que nunca passes pela mesma dor
Pois apesar de tudo de você não guardo rancor




Tallita Monteiro

domingo, 26 de dezembro de 2010

Nosso amor...


Os segundos passam lentamente, eu sempre volto a pensar em nós 
Mais uma vez você traz consigo as recordações que eu pretendia esquecer
O pior é que nada nos faz parar de lembrarmo-nos de alguém que amamos
Saiba que de todas as coisas que poderiam acontecer à melhor foi te conhecer

Você me ensinou a compreender os verdadeiros valores da cumplicidade
Mostrou-me caminhos diferentes dos que me pertenciam e eu me adaptei
Adaptei-me totalmente a você e ao seu mundo, porque te amo de verdade
Esse amor torna-te perfeito, você é exatamente como eu sempre sonhei

Não adianta mais eu negar para mim mesmo que deixei de te amar
Pois permiti que você deixasse marcas inesquecíveis em meu coração
E sei que essa nossa história vai continuar e Deus irá sempre abençoar




Tallita Monteiro

sábado, 25 de dezembro de 2010

Paciência



Com o tempo a gente aprende a deixar de ser egoísta, e não mais pensar somente em si mesmo
Ai passamos a ver quão importante é sabermos o que se passa com quem está em nossa volta.
Com o tempo nossos medos e anseios já não fazem mais parte do foco principal, daí quando menos esperamos, nossos objetivos são alcançados.
Esperar pelo tempo não fácil, mas não é impossível. Basta somente driblarmos a ansiedade e deixar as coisas acontecerem naturalmente, na melhor hora e do melhor jeito. Tudo que vale a pena a gente possuir, vale a pena esperar o tempo certo.

"Eu esperei com paciência no Senhor meu Deus, e Ele se inclinou para mim e ouviu o meu clamor. Salmista Davi."
 
Não podemos ultrapassar os limites do tempo, para anteciparmos a conquista, então teste sua paciência e espere as oportunidades aparecerem naturalmente.




Tallita Monteiro

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Um dia


Um dia tudo passa...
Um dia a lágrima para de rolar
Um dia a mágoa é sarada
Um dia o objetivo é conquistado
Um dia a perda é superada
Um dia o amor é encontrado
E a dor será aliviada




Tallita Monteiro

Passado presente



Pensamento bobo esse meu, não para de pensar em nós
Às vezes me pego distraída, lembrando da nossa felicidade
Passávamos horas entre beijos, risos e abraços, tudo era só nosso
Nosso mundo, nada importava, vivíamos a nossa própria realidade

A saudade, hoje me atormenta, vivo da recordação de um passado presente
Saiba que de todas as coisas que podia me acontecer, você foi a melhor
Palavras nunca serão suficientes para expressar o que a gente sente
Talvez a explicação não exista, quando se fala do verdadeiro amor

Eu prometo sempre te amar e nunca te esquecer
Nada poderá apagar a história que vivi com você




Tallita Monteiro

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Mais um ano se vai


Mais um ano indo embora... E outro vindo.
Novamente várias expectativas estão sendo construídas, entretanto não sabemos se serão cumpridas.
Muitas emoções foram vividas, mas algumas serão sempre esquecidas. 
Algumas mágoas e decepções serão levadas e darão lugar às novas ilusões.
Várias promessas de mudanças são feitas, algumas até serão realizadas.
E como muitos dizem... Ano novo... Vida nova.
É isso ai galera ano novo vindo então aproveite e reavalie seus conceitos, não deixe seus projetos somente no papel, empenhe-se em realizar cada mínimo plano um dia sonhado.
E que esse ano traga muitas conquistas!

PS: Busquem sempre está diante da presença de Deus!

Boas Festas de Fim de Ano





Tallita Monteiro

domingo, 19 de dezembro de 2010

Um sonho a dois

O Amor...
É difícil para os indecisos.
É assustador para os medrosos.
Avassalador para os apaixonados!
Mas, os vencedores no amor são os fortes.
Os que sabem o que querem e querem o que têm!
Sonhar um sonho a dois,
e nunca desistir da busca de ser feliz,
é para poucos!!"  


Cecília Meireles

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Nossas estrelas

Inúmeras são as estrelas que vão dando formato ao meu coração, onde cada emoção vivida tem uma estrela, e em cada estrela tem um sentimento compartilhado. Cada estrela contém uma lágrima, uma alegria, uma euforia, um carinho, um abraço, um olhar, um perdão, uma compreensão, um desejo, uma esperança e um Amor. Mas além de tudo cada estrela traz gravada consigo todos os mínimos momentos que vivi ao seu lado e unindo-as elas formam nossa história, que ainda não teve fim e não terá, pois há uma ligação de afeto que nos conecta um ao outro. E assim, terminamos sempre trilhando caminhos que nos levam em direção às nossas estrelas para formarmos um único coração.



Tallita Monteiro

Não limite-se à sorte


 Eu particulamente não acredito muito em sorte, talvez por nunca tê-la achada em todos os caminhos por mim já trilhados. Eu acredito que fazemos nosso destino baseado nas nossas próprias escolhas. Tudo que eu quero, eu vou adquirir dependendo do esforço depositado nesse objetivo e claro se esse objetivo estiver de acordo com os planos de Deus.

Talvez para muitas pessoas acreditar na sorte seja uma maneira menos frustrante de não se culpar por algo que deu errado, ou por um sonho não realizado. A sorte seria a culpada de todos os fracassos.

A palavra sorte deveria ser trocada por determinação, se você tem determinação e empenho naquilo que realmente deseja, não importará os ventos contrarios, você sempre obterá exito naquilo que busca. O certo é que seja por sorte ou não nossos caminhos seguem de encontro à felicidade, dependendo somente das opções à serem feitas. 

Deus tem sempre o melhor para nos oferecer, bastando somente deixar que Ele faça a sua vontade em nossa vida. Aprenda que nenhuma sorte do mundo te trará felicidade se os objetivos não forem traçados por Deus.



Tallita Monteiro

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

...



Há se eu pudesse expressar todos os meus sentimentos a você
Queria te contar quão feliz me sinto quando estou ao seu lado
Os segundos passam lentamente, talvez o tempo seja meu aliado
Mas eu não consigo definir a emoção que sinto ao te ver

Peco as palavras, confundo meus pensamentos
Nada do que passa ao meu redor me interessa
Apenas prossigo eternamente pressa à promessa
Que me fizeste, de permanecermos sempre juntos

Sentimento lindo e eterno que descobri quando te conheci
Contigo descobri o melhor dos sentimentos, o Amor
E dele eu jamais quero me livar, pois ganhei de ti



Tallita Monteiro

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Deixe-se ser esvaziado



Esvazie-se do rancor
Esvazie-se do seu ego
Esvazie-se da dor

Esvazie-se do pecado
Esvazie-se da mágoa
Esvazie-se de todo seu passado

Deixe-se ser esvaziado totalmente
E Deus te encherá de amor e felicidade
Tirará de você, toda ansiedade e te dará liberdade
Bastando apenas adora-lo verdadeiramente

Permita que seu coração seja tocado
Para que sua vida seja mudada
E muita benção será derramada
Sobre sua vida, e no final serás coroado

Grandes coisas o Senhor tem reservado para você
Apenas entregue para Ele todo o seu “ser”.




Tallita Monteiro

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Minha Oração



Hoje eu resolvi fazer uma oração
E confessar os meus pecados diante de Ti
Não agüento mais carregar isso dentro de mim
Então coloco minha vida em tua mão

Minhas lágrimas são poucas para demonstrar
Meus anseios, minhas angustias e minha dor
Não suporto mais viver longe do teu amor
Por isso suplico que Tu venhas me perdoar

Necessito do seu perdão em minha vida
Pois aprendi que só ao Seu lado há felicidade
Quero constantemente seguir a Tua verdade
E assim, cobre-me em Tuas asas e sara cada ferida

Decidi permanecer fiel aos Teus mandamentos
E me render completamente à Tua adoração
Ensina-me a andar sempre nos Teus caminhos
Mais uma vez, diante de Ti, peço Teu perdão

Perdoa-me Jesus e livra-me dessa aflição
Pois junto a Ti, entrego meu coração




Tallita Monteiro

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Nossa Canção



Nossa canção, gravada e registrada em nossos corações... escolhida com carinho, para lembrarmos dos momentos felizes que um dia foram vividos.
Cada nota me faz lembrar dos nossos risos sem motivo, abraços sinceros, juras e promessas feitas entre dois apaixonados, levados pela emoção de um amor encontrado.
Ah! Nossa canção tatuada em nossa história, trazendo em cada estrofe uma recordação eternizada em nossa memória.
Nossa canção, sempre tocando em minha mente para não me fazer esquecer...
Que a felicidade eu encontrei, quando conheci você.
Tallita Monteiro

domingo, 28 de novembro de 2010

...



Mesmo perdida em pensamentos
Ainda insisto em escrever
As emoções de cada momento
Vivenciados com você

Ainda sem saber o porquê
Lembranças ficam na memória
Para não me deixar esquecer
Que ainda pode haver uma história

E sem querer mais resistir
Saí seguindo seus passos
Para de uma vez conseguir
Encontrar teus abraços



Tallita Monteiro

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Imperfeição




Aprenda que nem tudo é perfeito
Fuja dos padrões previstos
Rompa qualquer preconceito


Aceite a imperfeição
E aprenda a ser feliz
Com as coisas como são


Não seja induzido
Insista e Persista
E no final serás reconhecido


Não se preocupe com a imperfeição
Com o tempo ela é esquecida
Pois o perfeito se vê com o coração






Tallita Monteiro

...E pode não haver amanhã...



Em uma noite de primavera, um ano após a partida da pessoa amada...
Ela sai apenas para se divertir com suas amigas, jamais imaginaria o que aconteceria adiante.

Em uma rua tranquila ela caminhava com suas amigas, conversas soltas, muitas gargalhadas, quando de longe ela avista um jovem sentado no banco do parque, cabeça baixa, meio triste, aparentemente solitário.

Ela afasta-se das amigas e caminha em direção ao jovem, ao aproximar-se dele observa que lagrimas rolam em seu rosto e suas mãos seguram um pedaço úmido de papel... Talvez por solidariedade, ela senta ao seu lado e o abraça... Alguns minutos em silêncio os dois permanecem... Ele ainda se derramando em lágrimas e ela o reconfortando embora ainda não saiba o motivo daquele choro.

Ainda em silêncio ele mostra o bilhete para ela...onde estava escrito: “- Jamais esquecerei de você, e apesar de tudo eu ainda te amo.”

Confusa, ela pergunta, o que o deixara assim, deprimido, aos prantos, inconsolável, quem era a dona do bilhete e o que aconteceu...

Ele suspira... E diz: - Ela escreveu isso quando ainda estava no hospital, não mais falava, estava acamada, morrendo aos poucos... Sinto-me culpado, eu a amava muito, mas nunca demonstrei... muitas palavras não disse, e agora ela se foi... Sempre fui rudi com ela, e mesmo em seus ultimos minutos ela lembrou de mim e suas ultimas palavras estão neste papel dedicadas a mim, que nem lá não estava... Não consigo me conformar... talvez se eu tivesse dito que a amava pelo menos uma vez... tenho muitos arrependimentos, do que nunca fiz para fazê-la feliz... eu nunca pensei que ela partiria assim, de repente... hoje não me conformo, queria uma segunda chance e não terei jamais. Mas...

Peço-lhe uma coisa, se amas alguém, corra até ele e digas bem alto que o ama... Não poupe esforços para fazer-lo feliz... Saiba compreende-lo, ajudá-lo, ser companheiro, não espere o amanhã para mostrar seus sentimentos, pois ele pode não existir para você. Jamais brinque com alguém que te ame, pois essa pessoa não merece, e um dia você pode pagar o que a ela esta fazendo. Procure não desperdiçar tempo, se amas alguém, trate-a bem. Jamais desperte o Amor em alguém, e depois a rejeite, Pois iras viver como eu... um eterno apaixonado vivendo de arrependimentos, por ter rejeitado a pessoa amada.

Sem mais perguntas ela o conforta, e junto com ele chora, lembra que esses relatos é igual a sua história... e no bolso ela ainda carrega o mesmo bilhete, que um dia recebera da pessoa amada.

“Jamais deixe de demonstrar seus sentimentos, pois pode chegar o dia em que eles servirão apenas para aflingir um coração que não foi capaz de amar".





Tallita Monteiro

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Me dê a mão...


Sei que você não é perfeito
Mas te aceito com teus defeitos


Então, me dê a mão
E acalma meu coração
Que insiste em suspirar
Por você em qualquer lugar


Me fazendo te mostrar
Que eu nasci pra te amar




Tallita Monteiro

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Amor romântico


O romantismo pode está nas pequenas coisas, um pequeno bilhete deixado na parede, uma forma de olhar, um afago gostoso, um beijo apaixonado e não esquecendo as velhas e almejadas flores...não importa as maneiras, porque no fim quando se está apaixonado e amando de verdade, qualquer atitude feita pela pessoa amada, torna-se sempre romântica. Entretanto para mim nada melhor que uma bela poesia...



Amarei eternamente você
Mesmo que o eterno não exista
Ou que o amor não resista
Prometo de ti não esquecer


Em teu abraços me sinto segura
Perto de você perco a estrutura
E meu coração insiste em dizer
Que sem você não consigo viver


E assim vou terminar
Desejando com você está
Para de uma vez desfrutar
Desse amor que pude encontrar




Então só pra lembrar
Eu continuo a te amar.




Tallita Monteiro

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Sei lá...



“Sei lá, hoje resolvi reformular todo e qualquer sentimento que um dia senti...

Muitos já me diziam que nesse espaço complicado chamado coração, ninguém pode intervir...

Daí, hoje já não me importa....resolvi tirar todo e qualquer resíduo deixado por você na minha memória

Fotos foram rasgadas...cartas jogadas fora e assim até aquela música nossa, dela não guardo nem as notas...

Sem mágoas, nem rancor, apenas decidi seguir sem seu amor."




Tallita Monteiro

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Amo você



Percebi que algo em mim faltava
Precisava de um motivo forte
Para aqui permanecer
E em você descobri o amor
Que uniu nosso ser


Uma troca de olhar nos conectou
E assim percebi que sem
Você nada eu sou


Sentimento que mudou meu viver
Desejando seu amor sempre ter
Fazendo meu coração dizer
Que eu sempre vou amar você




Tallita Monteiro

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Insensato coração



Eu não quero mais te amar
Mas não consigo evitar
Eu sei que nada vai mudar
e eu ainda posso me machucar


Mas parece que é assim que tem que ser
Eu não consigo pensar em outra coisa
Que não tenha você


Apesar desses sentimentos estarem
me maltratando e me fazendo sofrer
Não consigo deles esquecer.


Eu ouço os pingos da chuva caírem
Assim como vejo o girar dos ponteiros
E o pior é que meu desejo
Era ter você de qualquer jeito


Queria esquecer essa insensatez
E deixar o vento te levar daqui
Mas ainda não aprendi ser feliz
Estando você longe de mim




Tallita Monteiro

domingo, 14 de novembro de 2010

Nós: mulheres


Sempre jugam nós mulheres como uma icógnita, impossível de ser decifrada ou entendida, entretanto somos completamente simples, tão simples como uma equação matemática de 1ª grau. Somos senssíveis, compreesivas, mais maduras que os homens, confusa as vezes, mas sempre persistente nos ideais que acreditamos.

Não perdemos tempo com o que não tem significado pra nós, certo que algumas vezes ainda desperdiçamos tempo com aqueles que nada querem conosco.... exatamente por termos um lado afetivo muito forte.
Em tempo de tpm estamos com o emocional em alta, amando demais ou odiando demais...rsrsr. Enfim, talvez o que queremos esteja em dois subgrupos: emocional e profissional, uma relação dificil e que nem sempre conseguem ser conciliadas.


No emocional: queremos uma amor arrebatador, um homem apaixonado, que nos entendam e nos compreendam, queremos um casamento abençoado, rico em fidelidade e felicidade.

No profissional: a realização profissional e uma estabiliadade financeira traz certa segurança para nós....e um bom cartão recheado de créditos para as compras básicas...rsrsr.


Mas acima de tudo queremos amar e ser amadas... e como nos contos de fadas, um feliz para sempre.






Tallita Monteiro

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Inocente emoção



Hoje desde que acordei não consegui tirar você do pensamento
Talvez eu, ainda de alguma forma, esteja procurando o teu rastro
Seguindo os pulsos do meu coração que por ti bate.

Inocente emoção, que sinto quando te encontro
Meus olhos tornam-se expressão exata da felicidade
E nos labios o sorriso de uma eterna apaixonada


De longe sinto teu perfume que me fascina
Com seu olhar você me encanta
E com seus carinhos você me ganha.




Tallita Monteiro

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Minha Mania



                                                         




Tallita Monteiro

domingo, 31 de outubro de 2010

Silêncio




Um “eu” em mim busca desesperadamente ouvir os sons externos
Tornando-me apenas um ser como muitos
Com a voz presa pelo silêncio repentino
Da necessidade de encontrar o meu próprio caminho


Encontro no silêncio um refúgio
Para uma existencia expandida
De vontades reprimidas
Movidas por impulsos


De repente percebo
Que estou em desespero
Sem querer me ouvir
No silêncio que há em mim


E assim, com o tempo
Livro-me do silêncio






Tallita Monteiro

sábado, 30 de outubro de 2010

Esperar...



Espero o carinho, para acalmar o pranto

Espero o tempo, para aliviar a dor

Espero a ventania, para levar o canto

Espero a chuva, para acabar com o calor


 
Espero a primavera, para a flor desabrochar

Espero a conquista, para comemorar

Espero o amor, para a felicidade encontrar.




Tallita Monteiro

domingo, 24 de outubro de 2010

Do lado de fora



Do lado de fora o vento é suave...
Do lado de fora o sol irradia....
Do lado de fora nada é grave...
Do lado de fora não há monotonia.


Do lado de fora tem melodia...
Do lado de fora o tempo não tem pressa...
Do lado de fora não há agonia...
Do lado de fora eu vejo promessa.


Do lado de fora você eu esqueço...
E as vezes por vários momentos...
Para os meus sentimentos...
Tento um novo recomeço.




Tallita Monteiro

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

...



"Meu amor

Não quero mais palavras rasgadas

Nem o tempo cheio de pedaços de nada

Não me dês sentidos para chegar ao fim

Meu amor só quero ser feliz..."





Mafalda Veiga

domingo, 17 de outubro de 2010

Encontro



O amor que eu sinto por você é dificil de entender...
Procuro as palavras para dizer
Mas não encontro-as não sei porquê

Meu mundo pequeno e sem razão
Encheu-se de muita felicidade
Quando encontrei meu coração
Na alma que matou minha saudade.

Esse amor que encontrei
Mudou todo o meu viver
E agora eu achei
Tudo que preenche meu ser.




Tallita Monteiro