quinta-feira, 10 de março de 2011

Acho que é Amor


 
Ainda me confundo com esse sentimento
Só sei que te levo no meu pensamento
Não sei decifrar se é amor ou amizade
Mas longe de você tudo é saudade

Ao teu lado tudo se torna perfeito
E acabo me encantando com seu jeito
Não sei qual a conexão que nos uni
Só sei que tudo isso me confundi

Entretanto é complicado o que eu vou dizer
Mas a única certeza é que eu amo você
Ainda não sei como me apaixonei por um amigo
Mas aprendi que só sou feliz quando estou contigo





Tallita Monteiro

4 expressões:

  1. Oi Tallita...

    Nossa, me emocionei com suas palavras. Estou vivendo algo exatamente assim, talvez mas profundo só q com a mesma essência. Ela parece não sentir o mesmo por mim mas não consigo esquecê-la, estou sempre a lembrar de cada momento que com ela passei. Ainda somos amigos, um pouco diferente de antes. Contento-me com apenas isso pq posso ao menos ficar próximo dela, mas sempre desejo mais, meu coração pede mais. Amizade que virou amor, dominou-me e já me fez sentir dor. mas essa dor só me fez amá-la mais e mais.

    Perfect text.

    Obg pela visita, seguindo vc tbm querida.
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Lindo Tallita,você soube descrever bem algo
    que faz parte da vida.Interessante,quando se aprende amar justo aquele que é nosso amigo.Bom o que fazer?revela este sentimento ,e o medo de perde de vez aquele pessoa.
    Qual conselho você daria?
    Poxa vida é um caso complicado.

    Bjs,obrigado por sua visita,Deus abençoe sua vida e seus caminhos e de toda sua família!

    ResponderExcluir
  3. Muito lindo, me identifiquei muito com suas palavras. Me arrepia cada verso que eu leio.

    Beijo querida

    ResponderExcluir
  4. "Ao teu lado tudo se torna perfeito"
    É exatamente assim que sinto tbm!
    Lindo POST como sempre...
    bejuss
    Um ótimo final de semana!!

    ResponderExcluir

Espero prender a atenção de vocês e fazer com que se identifiquem com cada palavra lida. Viaje comigo nessa imensidão de palavras.
Obrigado por comentar...Volte sempre!