quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Transbordando Amor...



O amor transborda dentro de mim
Como semente que floresce num jardim
Amor, que surge de forma especial
Sem egoísmo, não causando nenhum mal

O amor que hoje transborda é limpo e sincero
Onde o tempo o rega sem qualquer exagero
Amor doce e verdadeiro
Que faz do coração um eterno mensageiro

Ando transbordando amor
De uma forma simples, sem impor
Por que não há nada melhor do que amar
E a beleza ao nosso redor apreciar

Transbordando amor sem medida
Intensificando o brilho desta vida
Ah! Esse amor que rege a felicidade
Trazendo-a envolvida com a liberdade



Tallita Monteiro

6 expressões:

  1. *---*
    'O amor transborda dentro de mim
    Como semente que floresce num jardim'

    tão sublime Tallita
    :)

    o amor que rege a felicidade,e liberta é o mais perfeito de todos os sentimentos...

    beeijo
    fica na paz minha querida.

    ResponderExcluir
  2. Tallita! Que lindo, sincero e profundo... Amei!
    O Amor é mesmo o melhor de tudo e em todos!
    Bjos Catia

    ResponderExcluir
  3. "Ah! Esse amor que rege a felicidade
    Trazendo-a envolvida com a liberdade" fechou com chave de ouro. Gostei demais do post, mana.
    ;*

    ResponderExcluir
  4. Olá Tallita,

    Lindo é o amor puro e sincero, que transborda no coração e não machuca. Descreves bem a docilidade do amor, que vem com muita alegria. Que Deus nos conceda a graça de vivermos um amor verdadeiro.

    Bjs, abençoada semana pra ti e tua casa.

    ResponderExcluir
  5. Olá Tallita,
    Belo texto viu, gostei bastante...
    Que Deus te abençoe cada vez mais, tenha uma ótima semana, bjs... =)

    ResponderExcluir
  6. Olá Tallita, queria um poema que transparecesse bem o amor que transborda. Esse soneto que você escreveu denota exatamente o que eu queria. Meus Parabéns.

    ResponderExcluir

Espero prender a atenção de vocês e fazer com que se identifiquem com cada palavra lida. Viaje comigo nessa imensidão de palavras.
Obrigado por comentar...Volte sempre!