quinta-feira, 3 de maio de 2012

Queria...


“Queria me apaixonar de novo e mais uma vez por você...
 Nada diferente de tudo que já tive, nem de mais ou de menos, mas exato como nosso tempo no espaço… Como os abraços que nunca se desfizeram e os beijos não terminados…
É tanto passado nesse presente indiferente, querendo se fazer futuro.”


(Cah Morandi)

3 expressões:

  1. Lindo post.Obrigada pela visitinha e desejo um maravilhoso final de semana. Abraços

    ResponderExcluir
  2. (:
    e que venha sempre mais amor ...
    liindo esse textinho,quente e gostoso como um abraço não desfeito na memória...

    beeijo

    ResponderExcluir
  3. Olá Tallita, estas singelas palavras escolhidas por ti se fizeram presentes no momento de minha existência, o momento presente, que se faz tão passado, de um futuro feito agora... Ai ai...Entreguei meu coração a alguém que por ser tão inseguro não se deixa amar, enfim, essa pessoa desvalorizou o meu sentimento, apesar de dizer que gosta, mas gostar em comparação ao amor é um sentimento tão pequeno.. Isso é tão triste flor, meu coração tá tão cansado... Parece fácil para os outros dizerem para abandonar, agir indiferente, brigar, xingar, odiar tal pessoa, mas se eu agir assim, irei de encontro com a negação de tal sentimento. Nos damos muito bem, muito bem mesmo, somos muitos amigos e o conheço como ele mesmo me disse um dia "o conheço mais que a própria mãe dele". Não tenho mais esperança em tentar um relacionamento com ele novamente, mas sabe o que é pior? Coração não aceita outra pessoa... Desculpe-me ter feito tal desabafo, rs... Mas eu precisava partilhar tal vivência com alguém especial como vc. Não vim buscar soluções, nem respostas, só queria simplesmente desabafar e a sua postagem foi bem sugestiva para o mesmo. Grande Abraço flor!

    Deus te Abençoe!

    ResponderExcluir

Espero prender a atenção de vocês e fazer com que se identifiquem com cada palavra lida. Viaje comigo nessa imensidão de palavras.
Obrigado por comentar...Volte sempre!