sexta-feira, 8 de junho de 2012

Amo-te tanto



Amo-te tanto que apertas meu coração ficar longe de ti
Conviver com tua ausência foi uma lição que ainda não aprendi
Amo-te tanto que o meu desejo é sempre ver-te feliz
Ainda que o motivo dessa felicidade não venha de mim

Amo-te de uma forma suave, um amor que não sufoca
Amor sereno e delicado, que nada se pede em troca
Amo-te pelo prazer de ti amar
E às vezes me conformo só de poder te olhar

Amo-te sem uma exata explicação
Simplesmente fizeste morada em meu coração
Por amar-te tanto eu abro espaço pois vejo que ela te faz bem
Pois o que vale para mim é ver-te feliz não importa com quem

Mas saiba que de longe sempre hei de te amar
Não importando o tempo ou lugar
Pois Amor sempre é algo constante
Ainda que os corações estejam distantes



Tallita Monteiro

4 expressões:

  1. Oi Tallita,primeira vez aqui e adorei o teu blog!
    Pode até parecer meio bobo para alguns,mas pra mim amar é isso mesmo,é querer o bem e a felicidade do outro,mesmo que seja distante de você,porque o amor só sobrevive onde há o bem.
    abraço e um ótimo fim de semana,=)

    ResponderExcluir
  2. É muito difícil mesmo lidar com a ausência de quem a gente tanto ama. Dói e conforta ver a felicidade, mesmo que esteja longe.
    Ótimo post, mana.
    Té mais ;*

    ResponderExcluir
  3. Lindo texto, a distancia é realmente algo terrivel que nao é facil de lidar! Obg por visitar meu blog, volte sempre!

    ResponderExcluir

Espero prender a atenção de vocês e fazer com que se identifiquem com cada palavra lida. Viaje comigo nessa imensidão de palavras.
Obrigado por comentar...Volte sempre!