sábado, 4 de maio de 2013

Follow the Rule



Está proibido despertar afeições sem as eternizar
Assim como estabelecer relacionamentos sem saber amar
Está proibido se limitar ao primeiro obstáculo que aparecer
Ou engolir as palavras que em versos poderia dizer

Está proibido levantar da cama sem um objetivo
E viver cultivando na mente pensamento negativo
Está proibido olhar para o passado e se esmorecer
Pois ele só serve de lição para o mesmo erro não cometer

Está terminantemente proibido estagnar sonhos
Para não andar pelos cantos se sentindo tristonho
Está proibido desanimar e deixar o medo se instalar
Ou se sentir incapaz de a felicidade encontrar

Está proibido conviver apenas com as recordações antigas
E se privar de soltar as deliciosas gargalhadas da vida
Está proibido conter a intensidade da inspiração
Ou reprimir o que realmente sente o coração



4 expressões:

  1. Tallita, amiga querida. Estas são as proibições mais sensatas que eu já vi até hoje. Essas proibições trazem muita felicidade.
    Beijos
    Manoel

    ResponderExcluir
  2. É aquele tipo de texto que a gente abre um sorriso e se sente motivada ao terminar de ler. Amei! Beijinhos.

    ResponderExcluir
  3. Oii, Tallita!!

    Está proibido não gostar do seu post!!
    Lindo poema, lindas palavras,
    na medida certa para seguir adiante!!

    Ótima semana!!
    Bjinhoss e obg pela visita.

    ResponderExcluir
  4. minha poetisa eu estou sempre seguindo a regra "PROIBIDO TE ESQUECER" sempre me fascinando ainda mais
    beijos do Lipe

    ResponderExcluir

Espero prender a atenção de vocês e fazer com que se identifiquem com cada palavra lida. Viaje comigo nessa imensidão de palavras.
Obrigado por comentar...Volte sempre!