sexta-feira, 13 de setembro de 2013

Fatos sobre o Amor


O amor era cego mesmo, sem sombra de dúvidas. 
No caso dela, além de cego, era surdo, mudo, disléxico [...] 
Andava torto e estava com um princípio de Alzheimer.


Autora: Marian Keyes 
Livro: É agora… ou nunca.

8 expressões:

  1. Simples e marcante.
    the-paradiise.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Enquanto houver um louco, um poeta e um amante haverá sonho, amor e fantasia. E enquanto houver sonho, amor e fantasia, haverá esperança.
    (William Shakespeare)

    G & B

    ResponderExcluir
  3. è qdo estamos amando, ficamos lesadinhas rs...

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  4. Realmente tem amor que é cego... mas o melhor amor é aquele que mantem a lucidez em todas as circunstâncias.

    Um alegre fim de semana!!!

    Bjs:)

    ResponderExcluir
  5. o meu amor por você é mais nitido do que tudo
    amo-te

    ResponderExcluir
  6. O amor é cego, surdo, mudo e ás vezes burro.

    Adorei o post!

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Ah, que amor seria esse que, em vez de curar, enferma?!
    Ah, essa paixão malandra, que sempre se disfarça de amor e se sai bem entre os homens. Ela não perde um baile à fantasia... Nem de noite... Nem de dia!
    Beijos

    ResponderExcluir

Espero prender a atenção de vocês e fazer com que se identifiquem com cada palavra lida. Viaje comigo nessa imensidão de palavras.
Obrigado por comentar...Volte sempre!